Atendimento

0

Frete Grátis

para todo Brasil

Descontos

em pagamentos à vista

Entrega local

retire na loja

Pague com cartão

em até 6x s/ juros

Segurança

loja oficial

08/09/2022

Potro, Copa e Derby 2022 ABQM

Para garantir maior conforto e segurança no transporte dos animais, alguns quartistas utilizam até veículos com controle térmico e câmeras de monitoramento

De norte a sul do país, competidores quartistas chegam à Araçatuba (SP) para participar do 43º Potro do Futuro, 15ª Copa dos Campeões e 8º Derby da Associação Brasileira do Quarto de Milha (ABQM). Para garantir conforto e segurança no transporte dos animais que disputam as provas equestres da raça, alguns criadores investem alto.

 

É o caso do quartista Aberlardo Itamar Júnior. O competidor e treinador trouxe uma tropa de seis animais de Arujá, no interior paulista, em um trajeto de 514 km de distância. Além de todos os equipamentos de proteção necessários, os equinos viajaram em um caminhão com baias individuais (e travas automáticas de segurança), ar-condicionado e monitorados por câmeras.

 

"Esses animais são atletas de alta-performance e a gente cuida deles como se fossem da nossa família. Além dos cuidados no transporte para as provas, a preocupação com o Bem-Estar já começa em casa. É preciso proporcionar uma boa cocheira com serragem, água limpa, feno, alfafa e ração com suplementos. Esse cuidado tem que estar presente no nosso dia-a-dia", afirma o competidor que já atua há mais de 20 anos, profissionalmente.

 

O consultor de Bem-Estar Animal da ABQM explica que é recomendado o uso de pisos emborrachados nos caminhões e trailers para maior estabilidade dos equinos. No caso de viagens muito longas é necessário também programar paradas para que os cavalos possam beber água e caminhar.

 

"Para oferecer maior segurança e conforto no transporte dos cavalos é recomendado o uso de pisos emborrachados nos caminhões e/ou trailers. Os protetores de viagem para membros e cauda são indispensáveis. É importante ainda disponibilizar feno para que o animal não fique muito tempo sem se alimentar. Se a viagem for muito longa, recomendamos paradas a cada quatro horas para fornecer água aos animais e a cada oito horas os animais devem caminhar um pouco", orienta o médico veterinário, Orlando Filho.

 

Mais de 2,8 mil cavalos irão participar do 43º Potro do Futuro, 15ª Copa dos Campeões e 8º Derby da Associação Brasileira do Quarto de Milha (ABQM), que acontece no Parque Clibas de Almeida Prado, em Araçatuba (SP).

 

Além dos cuidados no transporte dos equinos, para participar das provas oficiais do Quarto de Milha, todos os cavalos precisam apresentar testes negativos para Anemia Infecciosa Equina (AIE)/ Mormo e vacinação em dia.

 

"Quando os animais chegam, a primeira inspeção que realizamos é a sanitária com a conferência dos documentos exigidos pela Defesa Agropecuária e os exames negativos de AIE e Mormo. Os resultados têm validade de dois meses e não podem vencer durante a competição, ou até um dia após o término do evento. Caso contrário, o animal não participa das provas. É preciso apresentar também o atestado de vacinação contra Influenza", explica o médico-veterinário e responsável técnico do evento da ABQM, Carlos Guilherme Schutzer.

 

A Associação Quartista cumpre rigorosamente todas as regras e legislações vigentes no país, em relação ao Bem-Estar Animal nos esportes equestres, seguindo rigorosamente o previsto em protocolos, manuais e regulamentos aprovados pelas autoridades competentes nas esferas estadual (Secretaria de Agricultura e Abastecimento do Estado de São Paulo – SAA/SP) e federal (Ministério da Agricultura Pecuária e Abastecimento), respectivamente homologados pela Resolução SAA N° 55/2021 e Portaria MAPA N°199/2019.conforme determinação do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA).

 

"O Bem-Estar Animal nas práticas esportivas do Quarto de Milha é obrigatório, desde o correto transporte dos equinos até às competições em pista. Além disso, a ABQM disponibiliza ainda uma clínica com Plantão Veterinário 24h, gratuitamente, sempre pensando no conforto e segurança dos nossos atletas", finaliza Manuel Rossitto, superintendente-geral da ABQM.

 

Fonte e foto: ABQM

www.abqm.com.br